Primavera 2011 – Aspectos gerais da flora e da fauna

A Primavera no Hemisfério Sul, iniciará às 6h04 do dia 23 de setembro de 2011.
Término às 2h30 do dia 22 de dezembro de 2011 (início do verão)
Cientificamente denominado como ¨ Equinócio da Primavera¨
Equinócio: É a passagem da trajetória da Terra em relação ao Sol, justamente na linha do Equador.

Fonte : http://www.painelglobal.com.br/

A quantidade de horas de iluminação solar e ausência (noite) são iguais ¨equinócio¨
Com a chegada da nova estação, há uma mudança no regime de chuvas e temperaturas na maior parte do Brasil.

Nas Regiões Centro-Oeste e Sudeste, as chuvas passam a ser mais intensas e freqüentes, marcando o período de transição entre a estação seca e a estação chuvosa.
Durante a primavera, iniciam-se as pancadas de chuva no final da tarde, prolongando às vezes até a  noite, devido ao aumento do calor e da umidade que se intensificam gradativamente no decorrer desta estação.
A umidade do ar aumenta devido à grande evapotranspiração das plantas decíduas que mostram as novas folhas e é o novo ciclo vegetativo das plantas e se inicia em conjunto a fase do acasalamento de muitas espécies da fauna.
Com a temperatura aumentando gradativamente, umidade no solo e atmosférica também aumentando,  a maiorias das espécies da fauna entram em novo ciclo reprodutivo que se estendem até Janeiro e nesta época, há um potencial maior de alimentos, e no período da tarde, pouco antes do por do sol, muitos insetos saem do seu ninho (ficam escondidos durante o dia), movimentam-se principalmente as tanajuras, que saem para o vôo de acasalamento, para perpetuar a espécie.
Estes vôos, ocorrem a partir de meados da primavera, quando o solo já se encontra mais úmido, facilitando assim o mergulho das fêmeas no solo para gerar uma novo formigueiro.

Formigas se preparando para o vôo nupcial

Assim acontecendo, durante a primavera e início do verão, o ecossistema entra em  um novo período para a subsistência, que é o renascer da natureza com um novo ciclo, onde muitas plantas produzem suas folhas e  flores e geram seus frutos e sementes, e muitas espécies da fauna se alimentam do néctar das flores que conseqüentemente pela sua ação fazem a polinização, e na seqüência vem os frutos, que são alimentos de outras espécies, e nesse emaranhado de insetos, pássaros, animais vertebrados e invertebrados, entrando em ação, fazem com que a PRIMAVERA e VERÃO, sejam considerados as estações climáticas da VIDA NOVA.

FLORA

Florescência das  Sibipirunas; das ficheiras (guapuruvu), acássias, ipês (rosa), e muitas outras espécies nativas.

Base de fonte:  http://www.cptec.inpe.br

You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0 feed. Both comments and pings are currently closed.

Comentários encerrados.